HOME

Seu IP é 54.162.227.136

Busca



Prefeitura de Sousa Começa a Cumprir Ordem Judicial para Retirar Barracos das Vias Públicas, veja

Cidades - 13/12/2012



A Prefeitura de Sousa iniciou na tarde desta quinta-feira (13/12) a retirada dos barracos e bancas das vias públicas da cidade, conforme determinou o juiz da 5ª Vara da Comarca de Sousa, Diego Fernandes Guimarães.

No inicio da tarde de hoje, o Procurador Geral do Município, Fernando Botêlho, o secretário de Planejamento, Rodrigo Gurgel, o comandante do 14º BPM, Tenente Coronel Plutarco, e o Promotor da curadoria do patrimônio Público, Hamilton de Sousa Neves Filho estiveram reunidos onde ficou definido o cronograma de retirada de todos os barracos. Na reunião, os representantes da prefeitura solicitaram ao promotor que oficializasse à ENERGISA para acompanhar a ação, uma vez que a grande maioria dos barracos conta com ligações de energia, só podendo ser desligadas pela empresa.

Segundo o que ficou acordado a Prefeitura iniciará a retirada pelos barracos que estão sem funcionamento e mesmo assim continuam instalados nas vias públicas. O primeiro barraco retirado encontrava-se localizado na calçada da Escola Cônego José Viana (Escola Comercial), que vendia lanche para os alunos quando havia aulas naquela escola.

A partir desta sexta-feira (14/12), a secretaria de Planejamento notificará todos os proprietários de comércios irregulares da decisão judicial. Já os barracos que se encontram em funcionamento serão retirados a partir da próxima quarta-feira (19/12).

O prefeito Fábio Tyrone destacou os esforços do seu governo para resolver definitivamente essa situação, que se arrasta há mais de 35 anos. “ Assumimos a prefeitura em 2009 e desde então não permitimos mais a instalação de comércios irregulares nas ruas de Sousa. Iniciamos a construção de praças para abrigar exatamente estes comerciantes, e junto ao governo do estado conseguimos uma convenio de cerca de 4 milhões de reais para a construção de um novo mercado público central, porém a justiça concedeu uma liminar a favor da curadoria do patrimônio público, que dentro de sua obrigação como fiscal da lei solicitou a retirada dos barracos e o restante do comercio irregular nas vias públicas de nossa cidade.
Esperamos que essa operação seja realizada dentro da mais perfeita paz e que todos saibam que a prefeitura não medirá esforços para tentar diminuir ao máximo os transtornos a essas famílias”. Afirmou Tyrone.
Veja a programação

Share
ShareSidebar